Notícias
10 Mai. 2019 Programa Dia Internacional dos Museus 2019 Programa Comemorativo do Dia Internacional dos Museus e Noite dos Museus 2019 nos museus sob gestão da Direção Regional de Cultura do Norte. Evento
Museu de Lamego – Lamego 
Dia 18 de maio 
11.00 horas - visita orientada ao Museu de Lamego 
15.00 horas - visita orientada ao Museu de Lamego 
21.30 horas - Inauguração da exposição «Misericórdia de Lamego. 1519-2019»

Dia 19 de maio 
17.00 horas - Concerto com a Orquestra Juvenil de Gaia

Museu da Terra de Miranda – Miranda do Douro
Dia 18 de maio
Visitas guiadas à Concatedral de Miranda do Douro e à Exposição Contas de Rezar – Diálogos entre Culturas e Artes da Coleção Júlia Lourenço
II Feira de Antiguidades, Velharias e Colecionismo do Planalto Mirandês (Praça D. João III, 11h30/21h30)
Momento musical com o grupo Adélia (Museu da Terra de Miranda, 21h30)

Dia 19 de maio
Visitas guiadas à Concatedral de Miranda do Douro e à Exposição Contas de Rezar – Diálogos entre Culturas e Artes da Coleção Júlia Lourenço
II Feira de Antiguidades, Velharias e Colecionismo do Planalto Mirandês (Praça D. João III, 10h30/18h00)

Museu do Abade de Baçal – Bragança 
Dia 18 de maio
10h30 - MovicantaBebé (inscrições: movicantabebe@gmail.com)
15h00/17h00 - Workshop de percussão com Maurício Takara (inscrições: mabadedebacal@culturanorte.gov.pt)
17h30 - Concerto com M. Takara e participantes do Workshop
22h00 - Concerto com M.Takara & C.Boregas

Museu dos Biscainhos - Braga
Jornadas do Violino I
O Departamento de Música da Universidade do Minho em colaboração com o Município de Braga e a Sinfonietta de Braga apresentam Jornadas do Violino I, um evento dedicado à prática e ensino deste instrumento secular. Na sua primeira edição, Violinos Lendários, quatro instrumentos da Coleção Florian Leonhard, entres estes o Stradivarius "The Duke of Edinburgh" (1724), serão exibidos no Museu dos Biscainhos. O evento será composto ainda por atividades performativas e pedagógicas.
18 de Maio 
10h00/18h00 - Aulas abertas
10h00/11h30 - Exposição
19h00 - Concerto

19 de Maio 
11h30 – Recital

Paço dos Duques – Guimarães
Dia 18 maio
Roteiro: Da Vila Alta à Vila Baixa
Hora: das 10h30 às 16h00
Sinopse Da Vila de Cima à Vila de Baixo é um roteiro que permite ficar a conhecer alguns dos principais marcos da história de Guimarães de uma forma divertida. O percurso começa na Vila de Cima, onde estão alguns monumentos ligados à Fundação da Nacionalidade – Castelo e Igreja de São Miguel de Guimarães – e o Paço dos Duques de Bragança, e termina na Vila de Baixo, onde se encontram as principais praças – Praça de Santiago e Praça da Oliveira – e também o Museu de Alberto Sampaio.
Custo: 1,50€

Visita Guiada: Como viviam os duques no Século XV
Hora:11h00
Sinopse Visita temática que possibilita ao público uma viagem no tempo. Busca-se um trajeto pela época medieval focando-se vários aspetos relacionados com o quotidiano do séc. XV como, por exemplo, os hábitos de alimentação, de higiene, práticas de lazer ou costumes.
Custo: gratuito
Marcação prévia até às 17h00 do dia 17 de maio: 253 105 568 ou pduques.se@culturanorte.gov.pt

Teatro de marionetas: O Afonso e a Constança, primeiros duques de Bragança 
Atividade para Seniores e Famílias
Hora: 15h00
Entrada: gratuita, com marcação prévia.
Sinopse: No âmbito do dia dos Museus, o Paço dos Duques de Bragança abrirá as suas portas aos séniores e familias. Vão conhecer de uma forma muito divertida, e com muita cor e animação, episódios marcantes da vida dos primeiros Duques de Bragança, D. Afonso e D. Constança de Noronha.
Custo: gratuito
Marcação prévia até às 17h00 do dia 17 de maio: 253 105 568 ou pduques.se@culturanorte.gov.pt

Concerto pela Orquestra de Guimarães: Noite dos Museus
Hora: 21h30 
Entrada: livre 
Sinopse: Para comemorar a noite dos Museus, o Paço dos Duques de Bragança abrirá as suas portas aos visitantes, durante a noite, a partir das 21h30. Serão surpreendidos com um concerto pela Orquestra de Guimarães.
Organização: Paço dos Duques de Bragança e Câmara Municipal de Guimarães
Colaboração: Câmara Municipal de Guimarães / Orquestra de Guimarães

Museu Alberto Sampaio – Guimarães
Teatro de Marionetas: "Mumadona Dias, a fundadora de Guimarães”
Este teatro de marionetas dá a conhecer, de forma divertida, uma das figuras incontornáveis da história de Guimarães. Mumadona Dias foi uma mulher notável e poderosa no seu tempo e a ela se devem duas construções que estiveram na origem de Guimarães: um mosteiro e um primitivo castelo.
Público-alvo: famílias 
Horário: 17h30 e 21h30
Número máximo: 50 participantes

Visita Guiada à "Sala de Aljubarrota”
Através da exploração das peças do museu presentes na Sala de Aljubarrota, abordar-se um dos momentos mais importantes da História de Portugal, bem como a relação de D. João I com Guimarães.
Hora: 21h00
Duração: 30m
Público-alvo: público em geral 
Número máximo: 25 participantes
Inscrição prévia obrigatória até ao dia 17 de maio através do seguinte contacto telefónico: 253 423 910

Guiões: À Descoberta da Praça da Oliveira/ À Descoberta da Praça de Santiago
Escolhendo um destes guiões, que poderão ser adquiridos na receção do Museu, os participantes poderão descobrir descontraidamente locais de grande importância histórica e patrimonial do Centro Histórico de Guimarães.  
Hora: ao longo do dia
Público-alvo: Famílias
Custo: 1,50€  

Museu de Arqueologia D. Diogo de Sousa
No âmbito da Braga Romana - Reviver Bracara Augusta 2019 e do Dia Internacional dos Museus, realiza-se o Colóquio "Bracara Avgvsta et Romae Pveritia - Bracara Augusta e a infância em Roma”, no MDDS.
A infância na grande urbe de Roma, centro de uma verdadeira cultura global há dois mil anos, será muito diferente da vivência das crianças de hoje? Por um lado, temos a sensação de uma sociedade culturalmente muito diferente, em que o nascimento, a vida e a morte eram acompanhados de gestos e de pensamentos assaz distantes dos nossos; por outro, a observação dos inúmeros testemunhos - de diversa natureza - que a Antiguidade Romana nos legou mostrar-nos-á que a essência pueril não mudou significativamente.
Organização: Câmara Municipal de Braga, Associação CLENARDVS, Museu de Arqueologia D. Diogo de Sousa e Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva